4 Fundamentos de segurança ao adotar uma estratégia multicloud | Semantix - Big Data, IA e IoT
Select Page
4 Fundamentos de segurança ao adotar uma estratégia multicloud
21 de January de 2019

Quando falamos em Cloud Computing, uma das maiores preocupações das organizações é com a segurança de seus dados. Estudos apontam que 80% das empresas já estão adotando o modelo de multicloud e que, até o ano de 2022, 95% das aplicações migradas para a cloud pública continuarão nesse modelo.

Com a adoção da estratégia multicloud, é possível mover dados sensíveis da rede privada para pública, e vice-versa, de modo automático com alto nível de segurança. No entanto, proteger um ambiente desse tipo pode ser visto por muitos como um grande desafio.

Os maiores serviços de computação em nuvem são executados em uma rede mundial de datacenters seguros, que são atualizados regularmente com a mais recente geração de hardware, oferecendo redução na latência de rede e mais economia de escalonamento. Ainda assim, é preciso tomar algumas precauções para garantir a segurança dos dados na nuvem, uma vez que os grandes conjuntos de dados geralmente contêm informações confidenciais das empresas e de seus clientes.

Desse modo, é necessário seguir alguns fundamentos de segurança ao adotar uma estratégia multicloud, como:

1.Garanta visibilidade

Não importa a plataforma escolhida, é preciso garantir a visibilidade em todas as suas instâncias. Ao escolher uma solução multicloud, escolha uma que ofereça visibilidade completa e que seja capaz de identificar usuários atípicos e anormalidades do sistema, além de capturar possíveis ameaças.

2. Siga as práticas recomendadas

Cada fornecedor possui seu próprio conjunto de práticas recomendadas. Desse modo, caso você execute instâncias em mais de uma plataforma, lembre-se de se informar sobre as recomendações de cada uma delas. O importante é que a plataforma o informe sobre os acontecimentos e atenda aos requisitos de conformidade.

3. Foque na automação

Automatizar tarefas repetitivas e de rotina é uma boa maneira de garantir a segurança, especialmente ao executar diversas instâncias em vários fornecedores de nuvem, uma vez que abre uma margem mínima para erros.

4. Entenda o modelo de responsabilidade compartilhada

Em algumas plataformas multicloud, existe o modelo de responsabilidade compartilhada. Ou seja, em alguns casos, a responsabilidade de riscos pode ser da própria organização e não do fornecedor. Portanto, é essencial entender onde começa e onde termina a sua responsabilidade e a da plataforma adotada para não haver equívocos.

Além de confiar nos fornecedores de nuvem em relação às medidas de segurança, as empresas devem desempenhar um papel ativo no monitoramento de seus recursos e elaborar um plano interno para garantir a segurança de forma efetiva.

0 Comments

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *