Escolha uma Página

Série Semantix Aijus

evento-aijus

Conduzida por Vitor Saldanha, Head of Legal da Semantix, a Série Semantix AIJUS terá 3 Lives abordando os temas mais atuais e relevantes para a Tecnologia  aplicada ao Direito.

Os impactos da Cultura LegalOps

Dia 17/06, às 19:00

A multidisciplinariedade outrora incomum para o ambiente jurídico, hoje recebe seu assento de forma mais recorrente em departamentos jurídicos e escritórios de advocacia.

O mercado passou a exigir dos operadores do direito conceitos “estranhos” ao mundo jurídico pensado de forma isolada. Concepções de planejamento financeiro, administração, gestão de projetos, análise de dados e MKT são comuns no dia a dia. Hoje, fala-se mais em eficiência e dinamismo do que em qualquer outra quadra da história. A procura pela redução de custo e análise de performance passou a ser regra. 

Neste cenário, grandes corporações, como, por exemplo, Amazon, Netflix, Facebook, aplicam o conceito de LegalOps, visando, justamente, essa concepção mais estratégica e performática.

Qual é o grande impacto da (nova) cultura de LegalOps, principalmente no Brasil?

Convidados:

Yve Carpi de Souza, Head do Jurídico Comercial, Energia, Contencioso e Compliance Concorrencial da Raízen

Daniel Becker: Sócio do Lima Feigelson Advogados e Diretor de Novas Tecnologias do Centro Brasileiro de Mediação e Arbitragem (CBMA)

Bernardo Hamaoui: Especialista em Inovação da Companhia Siderúrgica Nacional – CSN

Data Driven-Law e os benefícios da jurimetria

Dia 18/06, às 19:00

O processo de inclusão da tecnologia no universo jurídico já se iniciou.

Hoje, não falamos somente da digitalização de processos e pesquisas de decisões passadas. O debate contemporâneo abrange questões vinculadas à aplicação de modelos de machine learning, com o intuito de prever o resultado de demandas judiciais.

Para que isso se torne realidade, no entanto, é necessário que todos os operadores do direito – e outros interessados – compreendam um pouco dos desafios para construção deste ambiente para aproveitarem os benefícios.

Há uma onda jurídica-tecnológica em curso que permitirá aos operadores do direito serem orientados a dados? Quais são, hoje, as principais instigações que os profissionais das áreas de direito e tecnologia devem conhecer para navegar nesse (novo) mundo?

Convidados:

Luís Cláudio Casanova, Diretor Jurídico da Ford

Rafaella Carvalho Corti, Diretora Jurídica e Compliance da Cyrela

Marcelo Guedes Nunes, professor da graduação e pós-graduação da PUCSP, presidente da Associação Brasileira de Jurimetria – ABJ e diretor de pesquisas do Instituto dos Advogados de São Paulo.

O processo de inclusão da tecnologia no universo jurídico já se iniciou.

Hoje, não falamos somente da digitalização de processos e pesquisas de decisões passadas. O debate contemporâneo abrange questões vinculadas à aplicação de modelos de machine learning, com o intuito de prever o resultado de demandas judiciais.

Para que isso se torne realidade, no entanto, é necessário que todos os operadores do direito – e outros interessados – compreendam um pouco dos desafios para construção deste ambiente para aproveitarem os benefícios.

Há uma onda jurídica-tecnológica em curso que permitirá aos operadores do direito serem orientados a dados? Quais são, hoje, as principais instigações que os profissionais das áreas de direito e tecnologia devem conhecer para navegar nesse (novo) mundo?

Gestão dos Direitos dos Titulares de Dados Pessoais e os impactos da LGPD

Dia 19/06, às 19:00

Além das dúvidas relacionadas à data de início da vigência da Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD no Brasil, a nova regulamentação trará alguns desafios para a sociedade.

Talvez o principal desafio, após o processo de adequação à LGPD, será a gestão dos direitos dos titulares de dados pessoais. Judiciário e a Sociedade deverão atuar de forma conjunta na compreensão da nova realidade baseada nos dados pessoas.

Como as empresas (controladores e operadores) irão lidar com a questão relacionada aos dados pessoais? Qual o tamanho da problemática envolvida? Como lidar com uma possível judicialização massa? São algumas perguntas que iremos procurar responder no Webinar.

Convidados:

Thamila Talarico, CIPP/E, é advogada e Coordenadora de Tecnologia e Privacidade em BSBC Advogados; Diretora de Parcerias Estratégicas para o Setor Privado do INPD – Instituto Nacional de Proteção de Dados Pessoais; Rio de Janeiro KnowledgeNet Chapter Co-chair da IAPP – International Association of Privacy Professionals, além de Membro da Comissão de Proteção de Dados Pessoais da OAB/RJ, Embaixadora do ElasInTech e Colunista Expert de Blockchain na Cointelegraph Brasil.

Caio César, Mestre em direito pela USP. Diretor do grupo Digital Rights. Coordenador da Comissão dos Novos Advogados do IASP. Foi pesquisador visitante do ITS-Rio. Advogado no Pinheiro Neto Advogado, com atuação especializada em Direito Digital.

Paulo Brancher, Mestre, Doutor e Livre Docente em Direito pela PUC-SP. Sócio no escritório Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados.

Acompanhe esta série e promete esclarecer temas de alta relevância para todos os entusiastas do Direito e da Tecnologia.

Faça a sua inscrição agora mesmo para receber o link de acesso às transmissões!